Últimos dias do Encontro Febrafar são marcados por negócios e conhecimento

O Encontro Febrafar 2019 teve mais dois dias muito movimentados, com a realização do Encontro de Negócios e de apresentações e palestras para os participantes. Isso tudo após o primeiro dia (22 de abril) que teve a posse da nova diretoria e realização tradicional Jantar Anual.

Veja a cobertura do Encontro de Negócios

Veja a cobertura do último dia do evento

A terça-feira (23) foi marcada por um movimentado Encontro de Negócios, quer proporcionou o alinhamento entre os representantes das redes da Febrafar com os associados honorário, que compareceram em grande número. Foi preparada toda uma estrutura para que o espaço recebesse as quase mil pessoas em um ambiente amigável e propenso para ótimas oportunidades.

“Nesse ano criamos diferenciais como telões que apresentavam aos participantes do mercado as mesas (redes) que queriam falar com eles, otimizando os contatos. Também foi disponibilizada uma área de coworking, onde os participantes podiam organizar os trabalhos” explicou o diretor operacional da Febrafar, Ney Arruda.

“Em conversa com os participantes pudemos observar que todos estavam muito animados com os resultados. Mostrando uma aproximação cada vez maior entre todo o grupo que se relaciona com a Febrafar”, complementou a diretora comercial, Karen Corridoni.

Último dia do Encontro

Para finalizar o evento, na quarta-feira (24) o evento focou no conteúdo. Tendo apresentação de uma série de associados honorários que mostraram a força das parcerias: Grupo SC (distribuidoras Santa Cruz e Panpharma), empresa Sandoz, Natulab Laboratório Farmacêutico, Laboratórios Pfizer, Wilson,  Germed Pharma e Aché Laboratórios Farmacêuticos.

Na sequência ocorreu a apresentação de Sandro Magaldi, coautor do livro Gestão do Amanhã, que realizou a apresentação: Transformação Cultural ou Morte. Ele teve uma abordagem profunda sobre o momento em que vivemos, tratando das novas tecnologias e como em nenhum momento da história da humanidade aconteceram tantas e tão intensas mudanças.

A mensagem passada foi principalmente sobre a necessidade de adequação das empresas a esse mundo, caso contrário os negócios estão propensos a morrerem rapidamente, em função de novas soluções que invadem o mercado. Para isso ele apresentou muitos cases.

O palestrante reforçou a importância de aprender, desaprender e reaprender. Também foi feita uma reflexão sobre a Febrafar e a importância desse modelo que se encaixa com outros modelos modernos de negócios, com informações e interações que incentivem a cooperação entre as empresas.

Na última apresentação do evento, o presidente da Febrafar Edison Tamascia falou da importância que a federação está obtendo junto ao mercado e reforçou a relevância da parceria com os sócios honorários. Falou também da eleição.

Tamascia reforçou a importância de uma melhor utilização das ferramentas da Febrafar para que os resultados cresçam ainda mais. Falou da relevância do entendimento dos pilares da Febrafar- – Cultura Empreendedora, Relacionamento Colaborativo e Atuação Visionária.

Para finalizar o evento, o diretor geral da Febrafar, José Neto Abud, falou da importância das redes confiarem cada vez mais na Febrafar. Pois a luta da entidade sempre foi uma só, a melhoria do mercado para todas as redes associadas.