Febrafar amplia rede e estreita laços com setor de beleza

As empresas associadas à Federação Brasileira das Redes Associativistas e Independentes de Farmácias (Febrafar)obtiveram faturamento de R$ 13,4 bilhões em 2018, o que representou um aumento de 19,14% frente a 2017. Para manter esse índice na casa dos 20% este ano, a entidade trabalha para ampliar sua representatividade e reforçar elos com setores estratégicos para o varejo, como o de higiene e beleza.

Em assembleia no dia 19 de fevereiro, a Febrafar aprovou a associação da rede Fazfarma. Com sede em Americana (SP), a empresa conta com 39 lojas espalhadas pelo interior de São Paulo e pela capital. A adesão começa a vigorar em abril, quando a entidade passará a ter 59 associadas e uma abrangência próxima de 10 mil farmácias e drogarias.

Outra novidade foi o anúncio da parceria com a Beauty Fair. “O primeira dia da Convenção Anual da Febrafar será realizado dentro da feira, no dia 9 de setembro, no Expo Center Norte”, afirma Edison Tamascia, presidente da Febrafar. “O varejo especializado em beleza conta com mais de 200 fornecedores, que podem gerar oportunidades para que as farmácias independentes montem um mix de produtos diferenciados”, ressalta Cesar Tsukuda, diretor geral da Beauty Fair, que movimentou cerca de R$ 660 milhões em volume de negócios na última edição.

Associativismo em pauta

A famosa Galinhada do João (João Marchiori, da Elite Distribuidora) precedeu a abertura da Conferência Febrafar e Abradilan de Líderes, que começou no dia 20 e terminou na última quinta-feira, dia 21. O objetivo foi discutir temas como a influência da tecnologia no mercado farma, o cenário político-econômico e os desafios do setor. O evento contou com a presença de cerca de 100 líderes da indústria e do varejo independente, além da participação de executivos da Hypera, Close-Up, GS1, XP Investimentos, Geolab, IQVIA e Sindusfarma.

Fonte: Redação Panorama Farmacêutico