Dia Mundial do Alzheimer: diagnóstico e continuidade do tratamento são essenciais

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 50 milhões de pessoas sofrem de demência, síndrome que afeta memória e habilidades cognitivas e de comportamento¹. Em seu tipo mais comum, o problema é conhecido como Doença de Alzheimer, responsável por mais da metade dos casos da enfermidade no mundo. Com o intuito de gerar conscientização sobre a doença, no próximo dia 21 é celebrado o Dia Mundial da Doença de Alzheimer. Neste ano, mais do que a importância do diagnóstico precoce, vale reforçar o papel da continuidade do tratamento, mesmo diante da atual pandemia de Covid-19.