Concor® Anlo é opção da Merck para hipertensão

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou uma nova opção para o tratamento de hipertensão da Merck, empresa líder em ciência e tecnologia. CONCOR® ANLO é uma associação de dois fármacos já conhecidos: hemifumarato de bisoprolol + besilato de anlodipino.

Estudos demonstraram que uma dose única com as duas substâncias (bisoprolol + anlodipino), como o CONCOR® ANLO, apresenta benefícios como melhor adesão ao tratamento e controle da pressão arterial, independente de quaisquer comorbidades existentes, como diabetes e/ou outras doenças cardiovasculares3.

No Brasil, estima-se que mais de 35 milhões de pessoas convivam com a hipertensão4, caracterizada pela pressão elevada, sendo maior ou igual a 14 por 9 na maior parte do tempo5. Os casos de hipertensão estão crescendo principalmente entre jovens adultos, entre 20 e 44 anos, e, segundo o Ministério da Saúde, o número geral de hipertensos subiu 14,2% no Brasil nos últimos dez anos¹.

O novo tratamento é uma opção para adultos, por ser uma terapia que facilita a adesão ao tratamento, fator fundamental para evitar que a hipertensão traga complicações. “Há indícios de que um pequeno aumento na pressão arterial já pode dobrar o risco de morte por AVC (acidente vascular cerebral), insuficiência cardíaca ou outras causas vasculares”, afirma Luis Magno, diretor médico da Merck no Brasil.

Entre as principais causas que contribuem para a hipertensão estão o estresse, excesso de bebidas alcoólicas, alto consumo de sal, sedentarismo e obesidade. “Os fatores de risco estão muito ligados a hábitos de vida, que podem ser a justificativa para o aumento de casos em jovens adultos, já que a rotina atual neste público –especialmente na pandemia– tem sido muito atribulada e estressante”, complementa Luis.

Além de consumir alimentos saudáveis, fazer exercícios físicos e manter consultas médicas de rotina em dia, o tratamento correto e indicado pelo médico também é fundamental para controlar a hipertensão e evitar o surgimento de outras complicações, como o infarto e a insuficiência cardíaca.

“A aprovação da Anvisa de CONCOR® ANLO representa a chegada de mais uma opção para contribuir no controle da hipertensão, que cresce mundialmente. Estamos felizes em fazer parte de mais um avanço no tratamento das doenças cardiovasculares no Brasil”, afirma Pedro Galvis, presidente da Merck no Brasil. A empresa está há mais de 25 anos fornecendo tratamento para melhorar a qualidade de pacientes cardíacos.