Campanha da CIMED e Farmarcas doa cestas básicas

Neste momento de crise, no qual muitas famílias e instituições estão necessitando de auxílio, a CIMED e a Farmarcas se uniram para ajudar quem mais precisa ao realizarem a campanha Pedido Solidário CIMED/Farmarcas. O resultado é a doação de mais de dez toneladas em produtos para cestas básicas a diversas instituições de todo o país.

A ideia foi, a partir do relacionamento das empresas, fazer o bem, assim o processo da campanha foi muito simples. Parte do valor relativo aos pedidos de produtos da CIMED, feitos durante a campanha, foi convertido em cestas básicas pela indústria farmacêutica. A campanha, finalizada no último sábado (30), contou com a expressiva participação das mais de 1.100 lojas das redes administradas pela Farmarcas.

“Em nome de todos da Farmarcas posso afirmar que estamos muito contentes com os resultados e de poder fazer parte desta campanha, pois mostra a forte relação de confiança entre as empresas. Mas, o mais importante neste momento é poder ajudar quem mais necessita, isso faz parte de nosso propósito, que é cuidar de pessoas para inspirá-las a escreverem sua melhor história”, comemora o presidente da Farmarcas e da Febrafar Edison Tamascia.

A visão é compartilhada pelo CEO da CIMED, João Adibe Marques: “Momentos delicados exigem união. Nós acreditamos ser importante participar de ações que de fato impactem a vida da sociedade. Essa iniciativa mostra o engajamento do nosso time em levar ao cidadão uma qualidade de vida melhor, além de levar esperança para a casa das pessoas, durante essa pandemia.”

No total, sete instituições receberão as dez toneladas em cestas básicas, sendo que cada uma terá direito a 102 cestas básicas de 14kg (um total de 714 cestas). Serão beneficiadas, no estado Ceará, a Associação Vidança – Cia. de Danças do Ceará, o Projeto Pensando Bem e a Associação de Assistência à Maternidade e à Infância de Lagoa Redonda; já em São Paulo, por meio do Instituto Horas da Vida as organizações beneficiadas foram: Associação Brasileira da Síndrome de Williams, a Associação Santo Agostinho, o Instituto Jô Clemente e o Instituto Baccarelli.

Atualmente a CIMED é a quarta maior indústria farmacêutica do Brasil, líder em vitaminas e medicamentos OTC. Já a Farmarcas é o quarto maior agrupamento farmacêutico do país, estando em 24 estados e reunindo 11 redes associativistas: Ultra Popular, Super Popular, Maxi Popular, Entrefarma, Farma100, AC Farma, MegaPharma, Bigfort, Maestra, MaisFarma e FarmaVale.